Voto de Saudação e de Louvor

 •  0

By

Voto de Saudação e de Louvor  

 – Pelo Dia Nacional do Bombeiro Profissional

e por todas e todos que combatem os incêndios –

 

Em Portugal celebra-se no dia 11 de setembro o Dia Nacional do Bombeiro Profissional, porém não nos podemos esquecer que grande parte das bombeiras e dos bombeiros que atuam em prol da nossa segurança fazem-no em regime de voluntariado, dedicando o seu tempo e vida à comunidade.

 

Não queremos deixar de expressar a nossa gratidão as estas mulheres e a estes homens que, altruisticamente e com o maior espírito de missão, arriscam as suas vidas em prol do bem-estar comum e da segurança de pessoas, dos seus bens, dos animais e da própria natureza, combatendo, ano após ano, os incêndios que dramaticamente atingem o nosso País.

 

Mesmo nas condições mais adversas, pelo espírito solidário, de abnegação e de dedicação, verificamos que os Bombeiros executam o seu trabalho., sendo muitos os desafios que enfrentamos enquanto coletivo, para nos dotarmos de meios que permitam uma ação preventiva e uma capacidade de resposta eficaz no combate aos incêndios, desde logo uma correta política de gestão florestal.

Assim, por proposta do Grupo Municipal do PAN, a Assembleia Municipal de Lisboa, reunida em 11 de Setembro de 2018, ao abrigo do artigo 25.º, n.º 2, alínea k) do Anexo I da Lei n.º 75/2013, delibera:

  1. Saudar e homenagear todas e todos as Bombeiras e os Bombeiros, em particular as/os que integram o Regimento de Sapadores Bombeiros e as Corporações de Bombeiros Voluntários de Lisboa, pela sua ação, empenho e dedicação, não apenas em Lisboa mas também no combate aos incêndios que têm assolado o nosso País;
  2. Saudar e homenagear todas e todos que não sendo Bombeiras/os, participam no combate aos incêndios e no socorro das populações, dos animais e da natureza;
  3. Manifestar a sua solidariedade e pesar para com as/os Bombeiras/os feridas/os ou que perderam as suas vidas no exercício das suas funções, assim como para com as comunidades dramaticamente atingidas pelos incêndios;
  4. Manifestar igualmente o seu pesar pelo número incalculável de perdas da vida animal e da biodiversidade em consequência dos incêndios.

 

Lisboa, 10 de Setembro de 2018,

O Grupo Municipal do

Pessoas – Animais – Natureza

Miguel Santos                                                          Inês de Sousa Real

 

*Este Voto foi subscrito pelo CDS e PPM

 

Leave a Reply