By

Acidentes com aves nos Campos de Padel da Expo

Na sequência de uma publicação efetuada numa rede social por uma estudante de Medicina, enquanto passeava pelo Jardim do Campo Grande, deparou-se com um conure de cabeça azul (uma ave que vive no jardim do Campo Grande) no chão, que terá embatido nas paredes transparentes do campo de Padel durante o voo e cujo impacto foi tão grande que lhe provocou hemorragias internas e subsequentemente a morte.

De acordo com o teor da referida publicação, a gerente dos Campos de Padel entrou em contacto com a denunciante da presente situação, que lhe assegurou que já teria entrado em contacto com as entidades competentes para que a situação não se voltasse a repetir, tendo igualmente salientado que as ditas aves ao estarem inseridas no Jardim do Campo Grande, a envolvente do mesmo é uma preocupação, pelo que irão ser encontradas e implementadas soluções o mais rapidamente possível.

Deste modo, veio o Grupo Municipal do PAN através ofício n.º 54/GMPAN/2018, de 25 de julho, solicitar à Câmara Municipal de Lisboa esclarecimento escrito sobre o conhecimento ou não por parte dos serviços municipais competentes da situação atrás descrita e bem assim sobre as medidas previstas ou que iriam ser implementadas, para evitar que situações como a que vem descrita ocorram novamente.

Acontece porém que até à presente data não obtivemos qualquer resposta ao referido requerimento, tendo agora chegado ao nosso conhecimento designadamente no passado no dia 12 de novembro, uma situação similar à atrás descrita desta feita nos campos de Padel da zona da Expo, de animais em grande sofrimento depois de embaterem nas respectivas estruturas transparentes.

Pelo exposto, vem o Grupo Municipal do PAN requer a V.ª Ex.ª se digne, nos termos da alínea g) do artigo 15º do Regimento da Assembleia Municipal de Lisboa, que que reitere à Câmara Municipal de Lisboa esclarecimento escrito sobre o requerimento acima referidos e ainda não respondidos e ainda um esclarecimento escrito sobre as seguintes questões:

Têm os serviços municipais competentes conhecimento da ocorrência de acidentes com aves nos campos de padel conforme vem descrito?
Que medidas estão previstas ou irão ser implementadas para evitar que situações como a que vem descrita ocorram novamente, designadamente pelo facto de as estruturas dos campos de padel serem muito altas e transparentes?

 

Lisboa, 23 de novembro de 2018

O Grupo Municipal

do Pessoas – Animais – Natureza

Miguel Santos                                                          Inês de Sousa Real

 

Leave a Reply